quinta-feira, 13 de março de 2014

O problema é que os jornais dizem a merda que os gajos como tu não gostam de ouvir…


Mané – Ei! Tu aí! Sim tu, ó totó… que estás para aí a dizer? Não gostas da tua vida? Queres levar um tiro nos cornos? Ou não gostas do que dizem os jornais? Podes sempre limpar-lhe o cú. O problema é que os jornais dizem a merda que os gajos como tu não gostam de ouvir… porque são desmascarados… são trafulhas… deixa ver
(arranca-lhe o jornal das mãos)
«subida de impostos… fraude fiscal… mata a amante e suicida-se a seguir… aumento de desemprego… férias de luxo… esbarra lamborgHini e compra Ferrari…»
Filhos-da-puta! É este o país que temos…

Rute – Chega! Deixa o homem em paz.

Mané – Ai é? Queres que o deixe em paz? E logo tu que estavas a dizer que as nossas famílias é que viviam sem fazer nada.

Rute – E tu sabes bem que é verdade!

Mané – (aponta-lhe a arma) Cala-me essa boca. Só dizes merda…
Rute – E tu só fazes merda. Onde arranjaste essa arma? Já estiveste a fumar…
(Salvador sai sem eles se aperceberem)

Mané – (empurrando-a) Já te disse, caralho. Cala-te!

Zé – (tira-lhe o jornal) Baixa isso.

Joca – Não consegues ser normal? Pensas que estás sozinho? Há gente que gosta de ti…

Mané – (aponta a arma para Joca) Agora queres dar-me tu lições… ó betinha? Mas eu perguntei-te alguma coisa? Achas que me convences por teres uns olhos bonitos e andares sempre bonitinha?

Zé – (agarra no Mané para lhe tirar a arma) Chega Mané! Dá cá isso, senão ainda magoas alguém. Somos todos amigos…


Mané – Somos o caralho. Estamos todos a lutar pela sobrevivência… ninguém é amigo de ninguém na hora da morte… todos fogem… todos se borram de medo de ser apanhados pela bófia… (empurra-o) e chega-te para lá…

SOUSA, Pedro Miguel Teixeira, Back to life, Cena IV (excerto).

Sem comentários:

Enviar um comentário