domingo, 1 de julho de 2012

CLUB ALFA, A Cultura e a Arte também são livros e outras coisas…


            A associação CLUB ALFA tem a seu cargo duas atividades importantes no próximo fim-de-semana: sexta, dia 6 de julho, a apresentação do livro “Canto Imperecível das Aves” de António Vilhena; sábado, dia 7 de julho, o apoio logístico às artesãs de Regadas que vão participar na ‘Feira das Coisas’ promovida pela Naturfaf.
            Os dois eventos decorrerão na Arcada em Fafe. O primeiro no salão nobre do Club Fafense e o segundo no exterior como seria de esperar face à atividade em si. E, como não poderia deixar de ser, TODOS SÃO CONVIDADOS.


            António Vilhena, um poeta e escritor com várias referências na literatura nacional, divide a sua atividade da escrita com a investigação no Centro de Estudos Clássicos da Universidade de Coimbra e o cargo de Vereador na Câmara Municipal de Coimbra. Segundo o autor do “Canto Imperecível das Aves”, em entrevista ao Diário de Coimbra, este afirma: «Reconheço que a poesia me navega nas veias». No que diz respeito às artesãs (Bárbara Mendes, Sónia Monteiro, Sónia Teixeira, Anabela Sousa), há um trabalho que precisa ser conhecido pelo grande público que reúne características específicas de engenho e arte. Neste sentido, o CLUB ALFA abraça esta apresentação do livro e, ainda que menos presente, o apoio logístico às artesãs como uma mais-valia, não só para a afirmação da associação sem fins lucrativos enquanto promotora de eventos culturais e artísticos, mas também para a cidade que, deste modo, poderá constatar com realidades criativas e inovadoras.
            Num tempo assombrado pela ‘crise’, importa perceber as nossas potencialidades. A cultura e as artes em geral são uma ferramenta fundamental na formação do indivíduo. São elas que permitem testar as capacidades, sejam mais eruditas ou populares, sejam artísticas ou artesãs, mas serão, sem dúvida, um auxílio à vontade de conhecer e vencer os desafios. Conhecer o meio cultural e artístico que nos circunda, obriga a uma melhor preparação para enfrentar os problemas da vida e também acolher as dádivas com um sabor especial.
            Não querendo, de modo algum, criar um área em torno do Club Alfa, não poderia deixar de destacar estes dois eventos, simplesmente pelo facto de esta associação abrir o seu plano de ação e dar espaço à criatividade. Há pessoas com muitas capacidades e trabalhos magníficos, assim, o Club Alfa está a contribuir para a dinamização de atividades no concelho, mas também para a troca de experiências e pela promoção de pessoas que de outra forma não se prontificariam em mostrar os seus talentos como as artesãs supra mencionadas. Este não será, certamente, um plano que encerra em si, mas conforme se poderá verificar no sítio desta associação (www.clubalfa.pt.vu), o apoio a outras pessoas será uma realidade, para que se possa contribuir para o enriquecimento cultural.

Pedro Miguel Sousa, in Jornal Povo de Fafe (29-06-2012)

Sem comentários:

Enviar um comentário