terça-feira, 9 de dezembro de 2014

TORNEIO NOS BASTIDORES

A sério, isto é comédia! Digam-me por favor que só pode ser comédia e eu aceito tudo. Agora, ouvir dizer que um político não suporta jogos de bastidores é demais... Até aceitava se fosse de um aspirante a político. Alguém que vem do coro lá da igreja ou dos escuteiros, mas quando se trata de alguém que tinha os bastidores bem controlados... é demais... Até percebo que não goste do jogo de bastidores, é que agora parece que há mais gente a jogar com as mesmas cartas e, o mais grave, nos mesmos bastidores... mas compreende-se, para quem tinha o poder absoluto... perder os bastidores é grave!
 Olha, é a vida... Como diria o outro: 'não se pode manifestar a meio de um jogo.' Nem que seja de bastidores, dizemos nós!

Sem comentários:

Enviar um comentário